Interesse público

As empresas estatais, que incluem tanto sociedades de economia mista quanto empresas públicas, têm um peso relevante no desenvolvimento econômico e social do Brasil por diversos motivos: impactos no PIB e no mercado de capitais; oferta de produtos e prestação de serviços de interesse público; e concorrência com empresas do setor privado, por exemplo. Melhorar a governança dessas organizações é contribuir para uma sociedade melhor.

Estatuto modelo

A implementação dos comandos da nova Lei de Responsabilidade das Estatais trouxe perspectivas para o fortalecimento da governança dessas empresas, o que gerou, posteriormente – com participação do IBGC -, um novo “estatuto-modelo” para companhias controladas pelo governo federal. Saiba mais.

backgroundImageAlt1

Boas práticas em estatais

Nova publicação traz atualização e consolidação de recomendações

O documento busca refletir arcabouço normativo mais recente e outros referenciais internacionais

Saiba mais
backgroundImageAlt2

Governança em Privatizações

Os processos organizados em três fases: antes, durante e depois da transação

Sugestões para os diversos atores envolvidos no processo de venda de empresas estatais.

Saiba mais

Em debate

O que estamos discutindo

O que deve mudar na governança de empresas estatais?

Webinar

A publicação Boas Práticas de Governança Corporativa para Empresas Estatais, lançada em agosto de 2020, discute as diretrizes da Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE) e do governo federal no aprimoramento das práticas de governança corporativa. 

Empresas estatais e as implicações da Covid-19

Webinar

Venha conhecer quais seriam as expectativas de órgãos de controle, acionistas e conselheiros de administração na gestão de riscos e programas de integridade das empresas estatais em um novo ambiente de negócios

Publicações e pesquisas

Notícias

Especialistas analisam governança em agências reguladoras na pandemia

IBGC debate atuação e fortalecimento dessas entidades em tempos de crise sanitária

As fragilidades do saneamento básico brasileiro ficaram evidentes diante do avanço da Covid-19 pelo país. Para debater a atuação e o fortalecimento das agências reguladoras do setor em um contexto de crise sanitária, o IBGC Conecta de sexta-feira (10 de julho) reuniu visões de especialistas em nível federal e estadual.

Saiba mais

Desafios das empresas estatais

Empresas estatais na América Latina

Governança corporativa na agenda das privatizações