Comitê Diversidade em Conselho do IBGC promove encontro entre mentores e mentoradas

Evento realizado com apoio da KPMG debateu o papel das mulheres em conselhos

  • 02/10/2019
  • Roberta Lippi
  • Eventos

Participantes debateram os desafios práticos de diversidade em conselhos

Na segunda-feira (2 de outubro), Pedro Parente, Silvio Genesini e Nicola Calicchio foram os palestrantes convidados pelo Comitê Diversidade em Conselho do IBGC para participar de um encontro entre os mentores e mentoras do Programa de Mentoria, iniciativa que conta com apoio da B3, da Internacional Finance Corporation (IFC), do Banco Mundial, e da WomenCorporateDirectors (WCD). Foram discutidos desafios e iniciativas concretas para que a diversidade entre de fato na pauta dos conselhos de administração, na sede da KPMG, em São Paulo.

Na visão do ex-presidente da Petrobras e presidente do conselho da BRF, Pedro Parente, não é razoável que ainda se faça esse questionamento. “Eu não tenho a menor dúvida de que a presença feminina ajuda muito nos conselhos”, defendeu.

O sócio-diretor da consultoria Silvigen e conselheiro da brMalls e Ânima Educação, Silvio Genesini, apontou que faltam nos conselhos perfis fora do tradicional, com novas habilidades como a especialização em Pessoas, Cultura, Digital e com foco no novo consumidor. “Quando colocarmos nos conselhos essas novas habilidades, com novos representantes, isso definitivamente vai trazer mais mulheres”, disse.
 
Genesini completou ainda que há quatro aspectos que, apesar de serem grande orgulho por parte das empresas, têm atrapalhado muito os conselhos, são eles: propósito, mindset, digital e cultura. “Vejo que estamos nos escondendo atrás dessas palavras, mas não estamos efetivamente mudando. A mudança requer muito tempo e estamos fingindo que estamos evoluindo”, criticou.

Na avaliação do presidente do conselho global de clientes da McKinsey, Nicola Calicchio, o tema em questão acaba na competitividade. “Quem entender para onde o mundo está caminhando vai ter um conselho diversificado. Quem achar que um conselho vai funcionar com cabeças antigas, trazendo a experiência pelo retrovisor, vai perder o jogo”, completou.

Confira as últimas notícias do Blog IBGC

Goldman Sachs quer mais diversidade em conselhos

Goldman Sachs quer mais diversidade em conselhos

24/01/2020

Banco anunciou que recusará IPOs de companhias com apenas conselheiros brancos e heterossexuais

Saiba mais
Notícias da semana: barragem em Brumadinho não era a que mais preocupava a Vale

Notícias da semana: barragem em Brumadinho não era a que mais preocupava a Vale

24/01/2020

Ministério Público traz lista de dez barragens da Vale em “situação inaceitável de segurança”. Brumadinho não era uma delas; Veja essa e outras notícias

Saiba mais
Para Paulo Salles de Toledo, sigilo é a essência da atuação do CAC-Conduta

Para Paulo Salles de Toledo, sigilo é a essência da atuação do CAC-Conduta

24/01/2020

Conheça a atuação do colegiado do IBGC responsável pela administração de conflitos de interesse

Saiba mais
Menos passado e mais futuro

Menos passado e mais futuro

23/01/2020

Especialistas traçam perspectivas para os conselhos de administração em 2020

Saiba mais
BB, Cemig e Natura compõem ranking global das 100 empresas mais sustentáveis

BB, Cemig e Natura compõem ranking global das 100 empresas mais sustentáveis

23/01/2020

Brasileiras foram citadas em lista da revista canadense Corporate Knights

Saiba mais
Conselho do futuro e o balanço entre propósito e ROI

Conselho do futuro e o balanço entre propósito e ROI

21/01/2020

Subgrupo Conselho do Futuro, da Comissão de Conselho de Administração do IBGC, fala em responsabilidade social e socioambiental

Saiba mais